Mês: novembro 2014

Economia

A batalha de RAP entre Hayek e Keynes

Achei tão genial que tive que postar. Compartilhei do Portal do Libertarianismo, canal obrigatório para quem quer aprender de verdade.
CONTINUAR LENDO
Opinião, Política

Para onde vai o espólio da Manuela? Conjecturas sobre o novo cenário eleitoral

Em 15 de dezembro publiquei no meu site uma análise da pesquisa do Instituto Paraná sobre as eleições municipais de Porto Alegre, em 2016. Mas muito mudou de lá para cá. Na ocasião, Manuela D´Ávila era a favorita, seguida...
CONTINUAR LENDO
Geral

Ouro dos tolos…Não existe almoço grátis

Sempre bom lembrar. Tudo aquilo que é dado é cobrado. Tudo que oferecido como grátis está embutido no que você já paga. Todo excesso de direitos vira excesso de deveres. A sociedade que quer tudo de graça acabará escrava...
CONTINUAR LENDO
Geral, Política

Projeto de Lei Anticorrupção aguarda votação na Assembleia gaúcha

Em tempos de Câmaras de Vereadores proibindo o sal na mesa de bares e restaurantes, é importante destacarmos coisas relevantes que têm sido feitas por políticos gaúchos, como o PL Anticorrupção. Caso contrário, caímos em depressão. Portanto, nem tudo...
CONTINUAR LENDO
Economia, Geral, Opinião, Política

Os novos liberais, a Escola Austríaca e a Escola Monetarista de Chicago

Os novos liberais surgiram no final dos anos 80, na Inglaterra e nos Estados Unidos, buscando basicamente reafirmar os principais dogmas econômicos da doutrina liberal clássica e fazendo uma forte crítica ao modelo keynesiano. O pensamento neoliberal está consolidado...
CONTINUAR LENDO
Geral, Opinião, Política

Empoderamento e participação civil – nossas armas para revolucionar a política

Tenho escrito bastante sobre representação política (a falta dela) e a importância de todos nos darmos conta da responsabilidade que temos sobre tudo o que acontece neste país atualmente. Nossas manifestações ou silêncios diários, dois lados de uma balança...
CONTINUAR LENDO
Economia, Geral, Política

O trabalhismo keynesiano e o crescimento do populismo e do paternalismo no Brasil

Liderado no Brasil por Getúlio Vargas, ou “o pai dos pobres”, o trabalhismo brasileiro foi influenciado por Keynes e Manoilescu e teve forte viés populista e paternalista. Na época os princípios liberais clássicos, como o lassaiz-faire, estavam em baixa nas grandes...
CONTINUAR LENDO
Economia, Opinião, Política

O Crash de 29, a Grande Depressão e o surgimento do Liberalismo Social

Embora crises cíclicas façam parte do capitalismo, a de 1929 foi muito mais severa do que as que a precederam (1873, 1895, 1920-1921), por assumir proporção mundial e levar diversos países além dos Estados Unidos a uma grande depressão....
CONTINUAR LENDO
Economia, Opinião, Política

O Liberalismo no Brasil – Os primeiros partidos

Podemos separar as ideias do liberalismo clássico da seguinte forma: no campo jurídico, a garantia dos direitos individuais à vida, segurança e propriedade; no campo político, a defesa da representação política, da legitimidade do poder através do consentimento dos cidadãos;...
CONTINUAR LENDO