ICF recebe Comenda Porto do Sol

Nesta terça-feira (17/8), foi realizada, na Câmara Municipal de Porto Alegre, sessão solene de entrega da Comenda Porto do Sol à Associação Cultural Floresta, mais conhecida como Instituto Cultural Floresta (ICF). A homenagem foi proposta pela vereadora Fernanda Barth (PRTB), que destacou o importante papel do ICF, especialmente, no que se refere à liderança de iniciativas que foram primordiais para atender às demandas de operadores da segurança pública, profissionais da saúde e de toda a população de um modo geral, tanto na Capital, quanto no Estado.

Em nome do presidente Leonardo Fração e do presidente do Conselho Consultivo Claudio Goldsztein, a vereadora parabenizou o ICF e relatou que, na área da segurança pública, houve a doação de mais de R$ 15 milhões, visando à aquisição de armas, coletes balísticos, viaturas, entre outros, além da incansável mobilização para a criação da Lei de Incentivo à Segurança no RS. “Durante a pandemia, o Instituto também deu mais um exemplo de solidariedade e união. Entre março de 2020 a março de 2021, foram, aproximadamente, R$ 22 milhões captados com o apoio de empresas e pessoas físicas”, ressaltou Fernanda.

Além de força-tarefa para o resgate e conserto de quase 200 respiradores estragados, nova campanha foi feita pelo ICF para aquisição de respiradores, com a entrega de 150 equipamentos novos. “As doações também envolveram, por exemplo, mais de dois milhões de máscaras descartáveis de uso hospitalar; mais de 500 mil máscaras tipo n95; 1 milhão de pares de luvas descartáveis; 10 mil litros de álcool gel. Outra iniciativa, em parceria com a Lauduz telemedicina, foi a campanha “A melhor conexão com a sua saúde”, visando trazer, para todo o Estado, atendimento médico gratuito e de forma remota”.

Ao agradecer a homenagem, Fração lembrou que ter uma lei de incentivo à segurança num ambiente municipal é muito relevante. “A segurança pública é feita da forma mais municipal possível. Tem que estar perto da população que usufrui dessa segurança. Não há progresso sem ordem. Não há ordem sem o sentimento de punição. E não existe isso sem que a polícia seja bem equipada, treinada e, mais do que tudo, vocês ajudaram na nossa motivação em sentir que valia a pena fazer o nosso trabalho, porque a sociedade civil está reconhecendo”, finalizou reconhecendo a atuação dos operadores da segurança, que colocam diariamente a vida em risco na proteção da sociedade.

O vice-prefeito Ricardo Gomes evidenciou que “esse grupo não fez o que era seu dever, foi muito além e fez um gesto de desprendimento e empenho para reunir recursos e atender o poder público no momento em que não tinha condições”, finalizou.

Presenças

O evento contou com a participação dos secretários municipais de Segurança Pública, Coronel Mário Ikeda, e de Planejamentos e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, de integrantes do ICF, dos vereadores Alexandre Bobadra, Comandante Nádia, Felipe Camozzato, Mariana Pimentel e Ramiro Rosário, representantes do DECA, Aclame, SINDIHOSPA, operadores da segurança do Batalhão de Choque da Brigada Militar, entre outros convidados.

Fotos: Ederson Nunes

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe seu comentário

Acompanhe a
Fernanda barth

Receba em primeira mão todas as novidades da
Fernanda Barth no seu e-mail.

  • Faça parde do grupo no WhastApp